HomeAMPRO

Promotores de RO participam de solenidade na ALE-RO que encerrou campanha pelo fim da violência contra a mulher

Os promotores de Justiça de Combate à Violência Doméstica Tânia Garcia Santiago e Héverton Alves de Aguiar prestigiaram a sessão solene, que teve co

Ministério Público de Rondônia assumirá a presidência do Conselho Nacional dos Corregedores-Gerais
Corregedor-Geral do MPRO e Presidente do CNCGMPEU, Cláudio Wolff Harger, conhece atuação e resultados de Força-Tarefa para crises no Sistema Prisional
MPRO atua com PM, PRF e Conselho Tutelar para combater crimes e infrações contra Estatuto da Criança e do Adolescente em Ariquemes

Solenidade aconteceu na ALE-RO

Os promotores de Justiça de Combate à Violência Doméstica Tânia Garcia Santiago e Héverton Alves de Aguiar prestigiaram a sessão solene, que teve como proponente o deputado Lazinho da Fetagro e foi realizada na Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia (ALE-RO). A ocasião marcou o encerramento da campanha ‘16 Dias de Ativismo Pelo Fim da Violência Contra a Mulher’, designada para homenagear as mulheres que contribuíram na última década para o enfrentamento à violência contra a mulher e à garantia dos direitos humanos

Durante a solenidade, Lazinho afirmou ser uma honra poder prestar o reconhecimento às mulheres do estado, ressaltando a importância da homenagem para tornar pública a luta das mulheres por seus direitos.

Tânia endossou o posicionamento do deputado, parabenizando o parlamentar pela iniciativa de reconhecer a atuação de personalidades do estado em favor dos direitos da mulher. A integrante do Ministério Público de Rondônia (MPRO) pontuou a necessidade de renovação de alianças e compromissos para com a Rede de Enfrentamento à Violência contra a Mulher para o ano de 2019.

Hérverton citou números de crimes contra a mulher no estado, informando que Rondônia é a terceira unidade da federação em números de estupro. O promotor se dirigiu ao deputado Lazinho e pediu apoio do parlamentar para que haja mais comprometimento dos representantes do povo no enfrentamento à violência contra as mulheres.