Membros do MPRO participam de curso de integração promovido pela Instituição em Cacoal

HomeAMPRO

Membros do MPRO participam de curso de integração promovido pela Instituição em Cacoal

Teve início na manhã desta quinta-feira (1º/12) o curso de integração do MPRO “Relações Institucionais e Interinstitucionais”, na cidade de Cacoal. O evento reúne Procuradores e Promotores de Justiça do Ministério Público de Rondônia.

Primeiro Procurador-Geral de Justiça relembra cenário de criação do Ministério Público de Rondônia
Fim de ano: CONAMP realiza celebração online com sorteio de prêmios
Nota de esclarecimento sobre a renovação de prisões preventivas na Lei 13.964/2019

Teve início na manhã desta quinta-feira (1º/12) o curso de integração do MPRO “Relações Institucionais e Interinstitucionais”, na cidade de Cacoal. O evento reúne Procuradores e Promotores de Justiça do Ministério Público de Rondônia.

A mesa principal foi formada pelo Subprocurador de Justiça Administrativo, Cláudio José Barros de Silveira, o Procurador de Justiça Rodney Pereira de Paula; o Secretário-Geral, Promotor de Justiça Dandy de Jesus Leite Borges; o Diretor da Escola Superior do MP (ESMPRO), Promotor de Justiça Marcelo Lima de Oliveira, e o Promotor de Justiça Marcelo Lincoln Guidio, que representou a Associação dos Membros do MPRO (AMPRO).

Nas palavras de abertura, os membros deram boas-vindas aos presentes e desejaram um excelente aproveitamento dos dois dias de imersão, que tem como objetivo proporcionar mais conhecimento e integração entre os participantes.

A primeira palestra da manhã foi ministrada pelo Coordenador-Geral da Corregedoria Nacional do Ministério Público, Sílvio Amorim, que abriu sua fala agradecendo o convite e a acolhida.

O palestrante seguiu falando do tema “Aspectos da Atuação da Corregedoria Nacional” e enfatizou os pontos que pondera como mais importantes, aliados à experiência junto à Corregedoria, bem como de outros cargos administrativos que ocupou, para ajudar como exemplo e apoio ao trabalho de todos.

Silvio Amorim ressaltou ainda as normas para garantir maior resolutividade na atuação do Ministério Público, visando atendimento das normas do Conselho Nacional (CNMP), de antecipação, solução, prevenção e desjudicialização de problemas, a partir das maneiras de ação dos seus membros.

A segunda palestra tratou da “Transformação Digital, Proteção de Dados e Cibersegurança”, ministrada pelo Coordenador Estadual de Combate a Crimes Cibernéticos, Promotor de Justiça Felipe Magno Silva Fonsêca.

O Promotor abordou as temáticas da Proteção de Dados, da Cibersegurança e da Transformação Digital que está em curso na instituição, expondo aos membros os regramentos normativos, avanços e responsabilidades para com a segurança da informação detida e tratada no âmbito do Ministério Público de Rondônia.

Durante a palestra, o Promotor esclareceu e expôs os riscos aos quais a instituição e cada um dos membros estão sujeitos no meio cibernético e apresentou as medidas necessárias à prevenção de danos nessa seara.

Na parte da tarde ocorrem duas oficinas sobre “Comunicação não Violenta”, coordenadas pelo Técnico Judiciário e Coordenador de Educação e Desenvolvimento Ronaldo Pontes Moura.

O curso, que se estende até sexta feira (2/12), tem por objetivo promover a integração entre os membros do Ministério Público de Rondônia, bem como o aprimoramento de seus conhecimentos nos casos concretos enfrentados diariamente, em cada Promotoria do Estado, visando ao compartilhamento de experiências de atuação e de discussão de relevantes temas materiais e processuais que agregam no exercício de suas funções no MP e ainda busca um melhor aperfeiçoamento funcional nas atividades dos membros.

Fonte: MPRO/Gerência de Comunicação Integrada (GCI)